Publicado em 4 comentários

Cirurgia Íntima

cirurgia-intima

Muitos podem ser os motivos que levam uma mulher a se sentir insegura com seu corpo e embora ainda seja um tabu para muitas a região íntima e a vagina em si podem ser um dos motivos de insegurança. Para quem sofre com algum problema na região, entretanto, existe a cirurgia íntima para corrigir problemas que afetem o modo como a mulher vê o seu corpo. Descubra para quem a cirurgia íntima é indicada.

Para quem a cirurgia íntima é indicada?

Em geral a cirurgia íntima é indicara para qualquer mulher que tenha algum problema, reclamação ou incômodo sobre a sua vagina. Esse tipo de incômodo pode a afetar o jeito como se relaciona, inclusive sexualmente e por isso a cirurgia é uma opção. Conheça os diferentes casos e indicações para a cirurgia íntima.

Grandes lábios volumosos

Mulheres que sofrem de grandes lábios volumosos podem recorrer à cirurgia íntima do tipo labioplastia. Nesse caso, o cirurgião retira o tecido em excesso ou pode ser feita uma lipoaspiração da região.

Pequenos lábios volumosos

De maneira semelhante à cirurgia dos grandes lábios, a ninfoplastia visa a reduzir o tamanho dos pequenos lábios e para isso o cirurgião retira o excesso de pele e reconstroi a região.

Monte de Vênus volumoso

Outro problema de muitas mulheres é que elas consideram ter um monte de Vênus volumoso, ou seja, a parte de cima da região íntima. Normalmente como se trata apenas de um acúmulo de gordura é feita uma lipoaspiração local, mas também pode ser realizada a retirada de pele em excesso.

LEIA >>>  Manthus: Saiba o que esse procedimento pode fazer por você!

Pequenos lábios assimétricos

A cirurgia íntima também é recomendada para quem possui pequenos lábios assimétricos, como um deles muito maior do que o outro. Isso além de ter potencial para causar problemas e incômodo durante a relação sexual também pode afetar a autoconfiança da mulher. Nesses casos, o pequeno lábio assimétrico é corrigido para ficar em harmonia com o outro.

Flacidez vaginal

Já a idade, a perda de peso ou fatores diversos podem levar a vagina a adquirir um aspecto “murcho” e para isso uma cirurgia íntima é realizada implantando gordura da própria paciente na região. Assim, a vagina passa a ganhar novamente um aspecto natural.

Correções após o parto normal

Uma cirurgia íntima sem apelo estético é a perioneoplastia, feita para diminuir a entrada do canal vaginal após a incisão que é feita durante o parto normal.

Reconstrução vaginal

Em alguns casos também pode ser necessária uma reconstrução vaginal e então a cirurgia íntima ganha um aspecto reconstrutor, devolvendo o formato e as características naturais da vagina.

Benefícios da cirurgia íntima

Além de criar um visual mais harmônico, a cirurgia íntima devolve à mulher a confiança e melhora seu relacionamento com o próprio corpo, já que ela passa a ter uma visão mais positiva de uma região tão importante.

Além disso, em alguns casos a cirurgia íntima ajuda também a prevenir e evitar doenças, como a candidíase, além de eliminar incômodos durante relações sexuais.

Assim, a cirurgia íntima é uma opção para quem, por um motivo ou outro, não está satisfeita com a aparência da sua vagina e deseja recuperar a autoestima.

4 comentários sobre “Cirurgia Íntima

  1. I constantly emailed this website post page to all my associates,
    because if like to read it next my contacts will too.

  2. As the admin of this web site is working, no uncertainty
    very quickly it will be well-known, due to its feature contents.

  3. In fact when someone doesn’t understand afterward its up to other visitors that
    they will assist, so here it takes place.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *