Pular para o conteúdo

Adoçante: Faz mal? Realmente emagrece? Quais são os tipos?

Adoçantes
Tempo de Leitura: 4 minutos

Muitas pessoas têm preferido usar o adoçante no lugar do açúcar com o intuito de ter uma saúde melhor ou, até mesmo, para emagrecer. Mas será mesmo que isso funciona? O adoçante faz bem para a saúde? É melhor usar ele do que o açúcar?Por se tratar de uma substância que tem o poder de deixar os alimentos mais doces que a própria sacarose, traz diversas polêmicas.
Essa pode ser a sua dúvida e de outras diversas pessoas espalhadas pelo Brasil. Neste texto, você vai conhecer os tipos de adoçante que existem, se todos são bons para a sua saúde e se eles, realmente emagrecem. Confira!

Quais são os tipos de adoçantes?

 São mais de dez tipos diferentes de adoçante que existem por aí. Alguns feitos em laboratório e outros mais naturais. Todos eles têm as suas qualidades e defeitos e você vai conhecer os principais na lista abaixo!
Aspartame
 O aspartame é um dos mais tradicionais tipos de adoçantes que existem, só que ele faz muito mal para a saúde humana. Ele atua tanto no seu organismo que existem mais de 90 efeitos colaterais que já foram catalogados em pessoas que usam ou já utilizaram esse adoçante.
Ele é muito usado por conta de não deixar o gosto amargo tradicional de alguns tipos de adoçante, mas ele tem muito valor calórico e adoça bastante mesmo os alimentos, cafés, chás e sucos em que você for utilizá-lo.
Entre os efeitos colaterais principais do aspartame estão: alterações de humor, reações alérgicas, náuseas, diabetes, dor de cabeça, ganho de peso, irritação, espasmo muscular, dores diversas e até taquicardia, convulsão e epilepsia.
Ciclamato de sódio
 O ciclamato de sódio é um adoçante muito perigoso para a saúde humana, ele é um dos piores. Pois, possui até derivados do petróleo na sua composição e assim, não é indicado para pessoas hipertensas. A única vantagem dele é que não tem calorias e, com isso, pode ser tomado por diabéticos.
Usar adoçanteSucralose
 O adoçante de sucralose ganhou bastante mercado nos últimos anos por prometer um sabor parecido com o do açúcar e com zero caloria. A verdade é que ele é feito com base em açúcar, mas tem cloro na composição o que faz inibir as calorias e a própria glicemia do açúcar.
É um dos melhores entre os artificiais, já que pode ser tomado por diabéticos, hipertensos, gestantes e qualquer outra pessoa. É muito utilizado na fabricação de alimentos e produtos diet por não ter o amargor tradicional dos adoçantes.
Sacarina
 O adoçante de sacarina, ou de sacarose, é o mais tradicional de todos, o que você encontra nos supermercados pelos preços mais baratos. O problema dele é o sabor amargo que dá aos alimentos e bebidas no qual é colocado.
A sacarina também possui derivado do petróleo e deve ser evitada por hipertensos, além de poder gerar reações alérgicas e, até mesmo, tumores.
Entre os naturais, existem a frutose, que é o adoçante que vem das próprias frutas e o popular Stevia, recém-descoberto e que se tornou uma verdadeira mania nacional.

LEIA >>>  Chá de Alecrim: Saiba todos os benefícios dessa bebida para a saúde!

Faz mal?

 A maioria dos adoçantes possuem elementos neles que fazem mal para a saúde. Porém, alguns trazem menos males para a pessoa do que o uso do açúcar refinado, por exemplo. Se você for usar os artificias, prefira o de Sucralose que é o que faz menos mal para a saúde.
Já entre os naturais, a maioria deles tem calorias, ou seja, não podem ser utilizados por diabéticos, com a exceção da Stevia, que foi descoberta recentemente e pode ser a melhor opção de adoçante para você.
Usar adoçante

Adoçante Stevia

 A Stevia é um adoçante natural descoberto na América do Sul e que não contém calorias. Ele adoça 300 vezes mais do que o açúcar refinado e ainda é ótimo para reduzir a pressão arterial, diminuir o nível de açúcar no sangue e prevenir bactérias.
Ele não possui efeitos colaterais, se usado com bom senso e responsabilidade, por isso, pode ser a sua melhor opção. O único problema é que ele tem um pouco de sabor amargo, mas é bem pouco mesmo. Tome cuidado para não comprar a Stevia junto com outro adoçante, pois ela vai perder todo o seu valor nutricional. Olhe bem a embalagem e só compre a Stevia natural e sem nenhum outro adicional.

Ajuda a emagrecer?

 Adoçante não serve para emagrecer, mas sim para diminuir o nível de glicemia no sangue de pessoas diabéticas ou não. Pode ter como consequência o emagrecimento, já que ao consumir menos açúcar, a pessoa adquire menos calorias e isso faz com que ela perca peso.
Linea
 A Linea tem uma linha de adoçante muito boa, principalmente no de sucralose que é perfeito para quem deseja usar esse tipo de adoçante.
 
Se tiver ainda restado alguma dúvida sobre o uso de adoçante, deixe o seu comentário aqui embaixo!

LEIA >>>  Agave: O que é? É saudável? Como usar? Veja aqui!
Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.




Enter Captcha Here :